Entrega de PIS e Cofins poderá ser prorrogada
>
>
Entrega de PIS e Cofins poderá ser prorrogada

As empresas que recolhem impostos no regime de Lucro Real (grandes empresas), e que estão sujeitas a acompanhamento econômico-tributário diferenciado, terão de entregar PIS e Cofins para preenchimento da Escrituração Fiscal Digital (EFD) – documento que pertence ao Sistema Público de Escrituração Digital (Sped) – até o próximo dia 7 de junho.

Com o sistema digital, porém, a maioria das empresas ainda não conseguirá fazê-lo de forma adequada; assim, muitas delas terão de refazer os trabalhos, e correr o risco de pagar uma multa de R$ 5 mil por mês, pelo atraso. Neste cenário, fontes ligadas ao setor afirmaram que a Receita Federal dá sinais de que pode postergar este prazo.

Depois destas empresas, será a vez das demais companhias que não são sujeitas ao acompanhamento diferenciado, mas tributam pelo Lucro Real, a data-limite de cuja entrega é o dia 8 de setembro. A data final para as demais empresas – instituições financeiras e as que pertencem ao Lucro Presumido (normalmente pequenas e médias empresas) – será no dia 05 de março de 2012.

A maior dificuldade das empresas é com a confiança das informações que serão entregues ao fisco. Muitos empresários não conseguiram se adequar a tempo: eles ainda estão levantando os dados necessários. O problema é que há muitos campos de informação que antes não existiam na declaração desses impostos, o que gerou uma grande dificuldade para muitas das empresas obrigadas.

Não existem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *